BB e Caixa descontam dias parados de grevistas

0

Cerca de 150 mil funcionários do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal receberam, ontem, o pagamento de setembro com o desconto de cinco dias, por causa da greve que mobilizou a categoria por um mês. Segundo a Confederação Nacional dos Bancários – CNB -, o desconto é uma provocação feita pela Federação Brasileira dos Bancos – Febraban.

A Febraban havia recomendado aos bancos que aplicassem o desconto em um terço dos dias parados no período de greve. Para Confederação, não havia necessidade de realizar o desconto uma vez que o julgamento da paralisação está marcado hoje, dia 21, no Tribunal Superior do Trabalho – TST. O presidente da CNB ressalta que a entidade está acompanhando o processo de tramitação do dissídio coletivo.

 

O julgamentodo dissídio coletivo deverá pôr fim ao impasse sobre a negociação salarial dos funcionários do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Os bancários reivindicam reajuste de 19%, que foi rejeitado pelo governo e pela Febraban. O aumento proposto varia de 8,5% a 11,8%, a depender da faixa salarial.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais