Belivaldo mantém toque de recolher e suspensão das aulas presenciais

0
Belivaldo Chagas anunciou a prorrogação das medidas restritivas (Foto: Arthuro Paganini)

O governador Belivaldo Chagas anunciou na tarde desta quarta-feira, 31, que vai manter o toque de recolher e a suspensão das aulas presenciais nas redes pública e privada em Sergipe.

O toque de recolher continuará sendo diário, porém será válido das 20h às 5h, incluindo o fim de semana, devendo os estabelecimentos encerrarem suas atividades às 19h.

Segundo a Resolução Nº 15, permanece vigente a vedação ao funcionamento de atividades não essenciais no final de semana (sábado e domingo), englobando todas as atividades e lojas, ainda que instaladas em supermercados ou outros estabelecimentos essenciais, bem como as academias de ginásticas, de qualquer modalidade, e atividades físicas coletivas em geral. Continua mantida a autorização para funcionamento dos serviços de entrega em domicílio (“delivery”) e retirada (“takeaway”) de bares, restaurantes e estabelecimentos similares durante todos os dias da semana (incluindo sábado e domingo), admitidos, no período do toque de recolher, somente os serviços de entrega em domicílio.

Durante o feriado da Sexta-feira da Paixão, no dia 02, fica vedado o funcionamento das atividades não essenciais e especiais, bem como academias de ginásticas, de qualquer modalidade, e atividades físicas coletivas em geral. Fica vedada a circulação de pessoas e a realização de atividades econômicas nas praias, orlas fluviais, parques aquáticos e similares, parques e praças esportivas ou congêneres, bem como a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações em todo o estado.

Aulas presenciais

No caso das aulas presenciais, a retomada foi remarcada para o dia 3 de maio. Creches, berçários e escolas de ensino infantil continuam funcionando. “Se nos próximos 15 dias a gente a chegar a conclusão que está havendo uma queda dos números da pandemia, a gente pode até retroceder uma semana, mas por enquanto, fica previsto o dia 03 de maio”, destaca o governador.

“Pacientes mais jovem estão indo a óbito em uma quantidade bem maior do que no ano passado. No total de óbitos registrados, no momento do pico do ano passado, tínhamos pacientes com idade inferior a 45 anos, no percentual de 13% de óbitos. Agora, nesse momento, esse percentual de óbitos em relação a pacientes com essa faixa etária subiu para 38%. É por isso, que a gente tem que tomar essas medidas relacionadas ao setor de Educação, já que o retorno às aulas envolve mais de 150 mil pessoas circulando todos os dias, dentre alunos, professores e todos os prestadores de serviços da Educação”, explicou o chefe do Executivo estadual”, completa.

Tempos religiosos

Houve mudança no funcionamento das igrejas e templos religiosos. A partir de hoje, esses locas poderão abrir aos finais de semana, porém com 30% da capacidade.

As medidas são válidas até o dia 7 de abril, quando o Governo de Sergipe fará uma nova reunião com o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae).

Por Verlane Estácio com informações da ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais