Bolsa Família estende prazo para apresentação de freqüência escolar

0

Os Estados e municípios agora têm até o próximo dia 19 para apresentar a freqüência dos estudantes cadastrados no Bolsa Família. Porém, o Ministério da Educação – MEC – já deixou claro que o prazo não passará por outros prolongamentos.

A nova data foi fixada com base na demora de muitos municípios para efetuar o cadastro de seus alunos. Em decorrência disto, o recolhimento de informações se transformou numa real dificuldade, o que acarretou, por apelo ao bom senso, num estender do período final para apresentar os dados necessários.

Para permanecerem inseridos no programa, os estudantes devem contar com uma freqüência mínima de 85% à sala de aula. De acordo o próprio Ministério, um percentual elevado dos cadastrados cumpre a meta: nada menos que 95,6%, um índice louvável.

PORMENORES – O Bolsa Família repassa verbas federais a famílias em situação de pobreza espalhadas pelo país, cuja renda per capta não ultrapassa os R$ 100 mensais. O programa está relacionado a auxílios financeiros junto aos direitos sociais de caráter básico, como educação, saúde, assistência social e alimentação.

Atualmente, a iniciativa abarca 5.560 municípios brasileiros. Ao todo, são 13 milhões de jovens agraciados pelo projeto.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais