Bombeiros usam guindaste para içar avião e encontrar corpo do piloto

0
(Foto: Grupo Trânsito Aracaju)

A aeronave que caiu nesta quinta-feira, 6, em uma área de manguezal no bairro Coroa do Meio, em Aracaju, provocando a morte de uma pessoa, seguia para o município de Unaí, em Minas Gerais. A operação de resgate continua em andamento e os Bombeiros estão usando o guindaste no içamento da carcaça da aeronave com o uso de um guindaste.

Segundo a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), o piloto da aeronave saiu da cidade de Unaí (MG) com destino a Aracaju, onde deixou um passageiro. Após o desembarque, a aeronave foi abastecida e o piloto decolou com destino à cidade mineira. Ainda no processo de decolagem, a aeronave apresentou pane e o piloto comunicou aos operadores do aeroporto de Aracaju. Instantes após o contato houve a queda.

Logo após o acionamento pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), foram direcionadas equipes do Grupamento Tático Aéreo (GTA), Corpo de Bombeiros (CBM), Polícia Militar e Polícia Civil. As equipes de mergulho do CBM adentraram o local e tiveram acesso, apenas, à parte traseira da cabine da aeronave, onde não foi encontrado nenhum corpo.

A parte frontal da aeronave está soterrada no mangue e os destroços, conforme informado pelo GTA, encontram-se num raio de 50 metros da queda da aeronave. A Prefeitura de Aracaju, por meio da Defesa Civil, contratou um guindaste. As equipes seguem fazendo as amarras na carcaça da aeronave para poder fazer o içamento seguro do equipamento. Ao todo, atuam na ocorrência 33 bombeiros militares.

Equipes do Quartel do Comando Geral (QCG), da unidade de Nossa Senhora do Socorro, e da Unidade Escola também atuam na operação de resgate. A Polícia Federal também está no local acompanhando a operação. Ainda hoje, os órgãos de fiscalização deverão chegar na capital sergipana para fazer as investigações e elucidar as causas do acidente.

Com informações da SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais