Câmara discute taxa de estacionamento da Unit

0

Hoje, a Câmara de Vereadores de Aracaju realizou uma sessão especial onde foi debatida a questão da taxa do estacionamento cobrada pela Universidade Tiradentes (Unit) para que os estudantes estacionem seus carros na área pertencente à instituição de ensino superior.

“A instituição é privada, mas a educação tem que ter tratamento de concessão pública. Esta casa, aliada ao Ministério Público, Procom e à Curadoria de Educação devem interferir para que o acesso dos estudantes a seus direitos seja respeitado”, opinou a vereadora Tânia Soares (PCdoB).

Na ocasião estiveram presentes ainda o presidente do Diretório Central de Estudantes (DCE) da Unit, Danilo Segundo, bem como os dos Centros Acadêmicos de Direito, Rafael Melo, e de Comunicação, Ana Carolina. Eles reivindicam o não pagamento da tarifa de R$1,50 por turno.

Os representantes estudantis disseram ainda que a instituição tem uma postura repressora com relação ao diálogo com o movimento estudantil. “Além disso, não podemos nos aglomerar nos corredores e ainda temos que pagar uma taxa para freqüentar a biblioteca”, declarou Rafael Melo.

No final da sessão, o vereador Valdir Santos (PTdoB) anunciou que estava entrando com um requerimento convidando o reitor da Unit, Jouberto Uchôa de Mendonça, para discutir o assunto na Câmara. Vale destacar que um projeto de lei do vereador Elber Batalha Filho propõe o fim das cobranças de taxas para estacionamento em universidades da capital.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais