Campanha da TDB visa arrecadar fundos para projetos beneficentes

0
(Foto: divulgação)

A Turma do Bem (TdB), lançou na última segunda-feira, 23, no canal do youtube, a campanha “FELIZ POR AJUDAR”, o evento é um reconhecimento da TdB aos dentistas voluntários que levam adiante a causa de mudar a percepção da sociedade em relação à importância da saúde bucal. Além disso, a atividade virtual visa captar recursos para dá continuidade aos projetos “Dentista do Bem” e o “Apolônias do Bem”.

A TdB nasceu em 1995, quando o Dr. Fábio Bibancos escreveu seu primeiro livro, Um Sorriso Feliz para seu Filho, com foco na prevenção de problemas odontológicos. Durante seu lançamento, Bibancos foi convidado para realizar palestras em colégios particulares e, em seguida, em escolas da rede pública. Nesses locais, a prevenção odontológica já não adiantava mais. Foi então ele que resolveu unir 15 colegas e, juntos, passaram a atender gratuitamente alguns casos em seus consultórios.

O Dentista do Bem é o principal programa da Turma do Bem, e conta com o trabalho voluntário de cirurgiões-dentistas que atendem em seu próprio consultório crianças e jovens de baixa renda entre 11 e 17 anos, proporcionando tratamento odontológico gratuito até que completem 18 anos. Atualmente, é a maior rede de voluntariado especializado do mundo.

De acordo com o dentista Martin Mansilla, especialista em ortodontia, coordenador do projeto Dentista do Bem em Aracaju e embaixador da Turma do Bem em Sergipe, na capital, já são 60 dentistas voluntários e mais de 100 crianças foram beneficiadas. “Jovens e crianças com problemas bucais graves são selecionados por grau de necessidade, o que é determinado por uma triagem realizada em escolas da rede pública ou instituição social”, explicou.

Já as Apolônias do Bem oferece tratamento odontológico integral e gratuito às mulheres que vivenciaram situações de violência e tiveram a dentição afetada durante as agressões. Os tratamentos são oferecidos por meio de uma rede de dentistas voluntários, que realizam todos os procedimentos que as mulheres necessitam, independentemente da complexidade apresentada.

O programa Apolônias foi criado em 2012, como objetivo de uma rede capacitada e bem orientada, atender gratuitamente mulheres que sofreram algum tipo de violência em diversos Estados do País. O projeto ainda não começou a atender pacientes vítimas de violência na capital sergipana. Segundo o dentista Martin, o objetivo é trazer a proposta para Aracaju. “É preciso que mais dentistas sejam voluntários para que possamos começar a implantar esse projeto aqui, “pontuou.

A ação acontecerá em todo país e reunirá beneficiários e colaboradores dos projetos, através de lives no Instagram, onde serão disponibilizados QR Code para as doações e também por meio do link https://turmadobem.colabore.org/inicial/people/new. Em Sergipe, as lives serão realizadas pelo embaixador da TdB, o dentista Manrtin Mansilla, no perfil do Instagram @dentistamartinmansilla todas as quartas-feiras, a partir das 19 horas. O evento segue até 21 de dezembro, quando será feito o encerramento oficial da campanha.

Fonte: Assessoria de Imprensa 

Comentários