Campo da Embrapa em Sergipe vira área de conservação permanente

0

Pesquisa com coco
A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) tem agora uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) na baixada litorânea do Nordeste. É a Reserva do Caju, parcela do campo experimental da Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju-SE) em Itaporanga D’Ajuda, no litoral sul sergipano.

O reconhecimento oficial foi feito através de portaria do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), emitida em 17 de janeiro e publicada no Diário Oficial da União no dia seguinte.

Com a oficialização da RPPN, a Embrapa passa a ter uma área de 763,37 hectares – do total de 910,81 ha da fazenda – destinada à conservação de caráter permanente. A Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE) é a primeira Unidade da Embrapa a possuir uma RPPN federal. A última relação das RPPNs oficialmente cadastradas no Brasil foi publicada em junho de 2010 pelo ICMBio.

Localizada à beira do rio Vaza-Barris, próximo à foz, a reserva constitui um rico e exuberante substrato da diversidade do litoral nordestino, com remanescentes da Mata Atlântica, manguezais, coqueirais, braços de marés e apicuns, sendo berço de diversas espécies animais. No entorno da reserva estão comunidades tradicionais cujo sustento depende fortemente da integridade ambiental da região, como a Ilha Mem de Sá, onde 75 famílias vivem da pesca artesanal.

De acordo com o decreto de 2006 que regulamenta as RPPNs, áreas como a Reserva do Caju só poderão ser utilizadas para o desenvolvimento de pesquisas científicas e visitação com objetivos turísticos, recreativos e educacionais.

Pesquisas

No campo de Iatporaga D’Ajuda, a Embrapa Tabuleiros Costeiros realiza diversas pesquisas para desenvolver tecnologias sustentáveis para a agricultura brasileira. Para garantir a qualidade genética e prevenir riscos de extinção de espécies como os coqueiros anão, gigante e híbrido, além da mangaba, fruta nativa de sabor marcante cuja árvore é símbolo de Sergipe, a Unidade mantém na Reserva do Caju Bancos Ativos de Germoplasma (BAGs).

Fonte: Embrapa

Comentários