Capacitação da juventude rural

0

Desde sua instituição pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba – Codevasf, o Projeto Amanhã, em Sergipe, mobilizou e capacitou 2.007 jovens ribeirinhos em 92 cursos ministrados. No início desse mês de abril, a coordenadora Executiva do Projeto Amanhã da Codevasf em Brasília, Ana Amélia Bastos Guimarães, esteve em Sergipe com o objetivo de conhecer de perto as ações desenvolvidas no Estado. A coordenadora esteve no Perímetro Irrigado de Propriá e com a equipe do Projeto, em Sergipe, coordenado pela assistente social Ivonete Melo, visitou a reserva hídrica do Perímetro, onde serão instalados 12 tanques-rede em parceria com a Emdagro, Distrito de Irrigação de Propriá e Prefeitura Municipal. Só neste perímetro há um benefício para 25 jovens engajados no Projeto Amanhã. Já no Perímetro Irrigado Cotinguiba/Pindoba, também no município de Propriá, além de unidades produtivas de banana conduzidas por jovens, a equipe visitou a Fábrica de Polpa de Frutas implantada pela Associação da Juventude Unida por Santa Cruz. O Pronese financiou o empreendimento, enquanto que a Codevasf participou da estrutura de urbanização da referida fábrica. Outra área visitada por Ana Amélia Bastos Guimarães, foi a Unidade de Capacitação instalada no Perímetro Betume, bem como os projetos agrícolas e piscícolas da região, estando em fase de instalação um galpão para guarda de equipamentos, da produção, bem como de materiais usados na manutenção de viveiros e drenos para criação de peixes em tanques-rede e de forma extensiva.
<b>IDEAIS -</b> A equipe do Projeto em Sergipe se reuniu neste mês com diversas instituições, em Poço Redondo, para discutir propostas para funcionamento do Centro de Capacitação Dom José Brandão de Castro. “Estamos oferecendo aos jovens oportunidades de enriquecimento do seu nível de aspirações, oferecendo-lhes alternativas de profissionalização que podem e devem ser abraçadas no seio mesmo das comunidades onde vivem, pois assim, estamos, de fato, fixando esses jovens no campo e levando desenvolvimento para seus lares e comunidades. A coordenadora Nacional ficou impressionada com o tanto de realizações que conseguimos fazer com poucos recursos, mas com muitas parcerias. Quem ganha com isso? Os jovens do Baixo São Francisco!”, diz Ivonete Melo, coordenadora-idealista do Projeto Amanhã em Sergipe.

Comentários