Carnaval da capital e interior contará com 1280 PMs

0
PM emprega 1.280 homens e mulheres no Carnaval do interior e da capital  (Foto: arquivo Portal Infonet)

A Polícia Militar do Estado de Sergipe, através dos Comandos do Policiamento Militar da Capital e do Interior, empregará cerca de 1280 homens e mulheres durante os cinco dias do Carnaval 2014 em todo o território sergipano. Segundo o planejamento da Corporação, o efetivo será distribuído em várias regiões do Estado, com ênfase nas principais festas momescas.

De acordo com o planejamento da PM, o Comando do Policiamento Militar da Capital (CPMC) emprega 980 PMs nas festas mais movimentadas da capital e da Grande Aracaju. Destes, 100 policiais trabalham em cada um dos cinco dias do Rasgadinho, folia que acontece na região central de Aracaju. A festa, que contempla arrastão e palco, conta com posto de comando.

O Rasgadinho recebe o efetivo do 8º Batalhão de Polícia Comunitária (8º BPCom), Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran), Companhia de Polícia de Radiopatrulha (CPRp), Companhia de Polícia Fazendária (CPFaz), Grupamento Especial Tático de Motos (GETAM), Esquadrão de Polícia Montada (EPMon) e Grupo de Escolta Prisional (GEP), respectivamente distribuído em viaturas, patrulhas e elevados.

No Carna Caju, a Corporação disponibiliza diariamente 60 policiais, também divididos em dois turnos e em elevados, patrulhas e no policiamento periférico.  A área conta com o policiamento de homens oriundos do 1º Batalhão de Polícia Comunitária (1º BPCom), da CPTran e da CPRp.

Ainda segundo o CPMC, os três pontos de carnaval da Barra dos Coqueiros, Atalaia Nova, Praia da Costa e Praça Prisco Viana, também recebem o efetivo de 60 policiais por dia, sendo que, durante as tardes, as guarnições trabalham acompanhando os arrastões e as aglomerações e à noite a PM se concentra no policiamento periférico da festa na Praça Prisco Viana, já que a prefeitura local cercou o espaço e contratou agentes para a segurança interna do evento.

Na ilha, homens do 8º BPCom, Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), CPRp, CPTran, Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv) e GETAM se distribuem em patrulhas e no policiamento periférico. No Povoado Caueira, em Itaporanga D’Ajuda, a polícia emprega 25 homens em cada dia de festa. A festa conta com PMs do 1º BPCom e da CPRv, frisando que neste espaço a polícia é responsável pela área externa da folia, já que o local está cercado e a prefeitura se responsabilizou pela segurança interna do evento.

Já nas festas de Nossa Senhora do Socorro (Parque dos Farois, conjunto Jardim e Prainha do Porto Grande), a PM conta com uma média de 40 policiais diariamente, frisando que nestas localidades o CPMC emprega militares do BPChq, CPRp, GETAM, EPMon e 5º Batalhão de Polícia Comunitária (5º BPCom).

Interior sergipano

Nos carnavais do interior sergipano, a Polícia Militar empregará efetivo de 300 homens e mulheres em 12 municípios sergipanos, além do policiamento ordinário empregado diariamente nestas regiões.

“Serão contemplados com policiamento extraordinário as cidades que oficialmente solicitaram reforço em suas festas em tempo hábil, seguindo os trâmites necessários, como Canindé do Francisco, Pirambu, Neópolis, Simão Dias, Indiaroba, Estância (Praia do Abaís), Gararu, Itabaianinha, Carmópolis, Santa Rosa de Lima, Campo do Brito e Cumbe. Porém, é válido ressaltar que todos os municípios sergipanos continuam com policiamento de rotina existente em cada localidade”, explicou o capitão Alves, chefe de Operações do Comando do Policiamento Militar do Interior (CPMI).

Fonte: Ascom PM

Comentários