Catadores ainda buscam seguro desemprego

0

O período de defeso do caranguejo acabou no último dia 15, mas muitos catadores ainda não receberam o seguro desemprego pelo tempo em que ficaram afastados de suas atividades. Eles têm direito a receber duas parcelas do seguro desemprego, o equivalente a R$ 200,00 cada uma. Segundo o presidente de uma das nove colônias de pescadores, Petronilo Nascimento, uma das causas da demora é a desatualização dos pescadores.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais