Cerâmicas de Itabaianinha terão 180 dias para se adequar às normas ambientais

0

Audiência foi realizada na manhã desta segunda-feira, 31
Todas as cerâmicas do município de Itabaianinha terão prazo [conferido pela fiscalização da Adema] de 180 dias para se adequarem à legislação ambiental, quanto a utilização de combustível. A decisão foi tomada durante audiência na manhã desta segunda-feira, 31, na Promotoria de Justiça Especializada do Meio Ambiente e Urbanismo do Ministério Público Estadual (MPE).

Na ocasião, o representante do Banese, Édson Caetano informou que o banco já possui linha de crédito para ser oferecida ao segmento ceramista. Segundo ele, até o valor de R$ 72 mil o banco utilizaria o próprio fundo de aval do Estado para dispensar qualquer garantia por parte do adquirente da linha de crédito. Acima desse valor, o interessado deverá apresentar garantia para obtenção do financiamento.

Genival Nunes, presidente da Adema
O diretor-presidente da Adema, Genival Nunes, informou na audiência presidida pelos promotores Renê Erba e Talita Cunegundes, que de acordo com avaliação técnica, a atividade ceramista reúne condições de se adequar à legislação ambiental mesmo utilizando como combustível, a lenha. Genival disse ainda que estará encaminhando relatório sobre as fiscalizações, a exceção das olarias, até o próximo dia 11 de junho.

Representante do Sindicato das Cerâmicas e Olarias de Itabaianinha afirmou que até o próximo dia 11 de junho entregará lista completa de todas as unidades na Promotoria de Justiça daquele município.

Crédito

Ficou decidido ainda na audiência, que o Banese somente oferecerá o crédito para aqueles que adquirirem licença ambiental bem como se adequarem às normas a serem expostas pelo Ministério Público do Trabalho. Uma nova audiência foi marcada para o dia 05 de julho, a partir das 9h, para a análise da documentação apresentada e elaboração de novas ações.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais