CGU vai analisar até o final de junho irregularidades na obra do CIC

0
Obra do CIC já sofreu com atrasos e agora é alvo de auditoria da CGU (Foto: Portal Infonet)

A Controladoria Geral da União (CGU) está analisando todas as irregularidades apontadas no Relatório de Fiscalização da obra do Centro de Convenções de Sergipe (CIC), concluído em junho do ano passado, e deve emitir parecer técnico no final deste semestre, conforme nota encaminhada para nossa reportagem. O Portal Infonet mostrou, na semana passada, que a CGU havia identificado divergência no preço das telhas para cobertura da obra. A CGU informou, no entanto, que não emitiu recomendação para que a obra fosse paralisada. Já o diretor técnico da Cehop, Howard Alves, disse que está aguardando parecer do órgão federal para prosseguir com o trabalho de cobertura do CIC.

Na nota encaminhada para nossa reportagem, a CGU também informou que a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), responsável pela obra no CIC, não respondeu integralmente o Relatório de Fiscalização apontando as irregularidades. “Quando o Relatório Preliminar de Fiscalização foi concluído, em 03/05/2018, a CGU o encaminhou à SETUR, dando prazo de até 15/05/2018 para manifestação. A SETUR respondeu parcialmente e solicitou prorrogação de prazo por mais 20 dias para esclarecimentos adicionais, o que foi concedido pela Controladoria. Entretanto, a Secretaria não encaminhou manifestação dentro desse novo prazo e, em 11/06/2018, a CGU finalizou o Relatório de Fiscalização”, afirma em nota.

A manifestação integral da pasta estadual para todas as questões do relatório, segundo a CGU, só foi enviada no dia 21 de novembro de 2018, seis meses após a conclusão do processo. Mesmo assim, a CGU decidiu analisar a manifestação e prometeu emitir parecer até o próximo dia 30 de junho.

Nossa reportagem tentou contato com o superintendente Regional da CGU, Frederico Resende de Oliveira, em busca de mais informações sobre o relatório de fiscalização, mas não obtivemos sucesso. A Secretaria de Estado do Turismo (Setur) está apurando as informações encaminhadas na nota da CGU e afirmou que vai se posicionar posteriormente. Nossa reportagem permanece a disposição por meio do telefone (79) 2106-8000 ou e-mail jornalismo@infonet.com.br.

Por Ícaro Novaes

Comentários