Chuva traz de volta risco de deslizamentos em encostas

0
Áreas de risco no bairro Santo Antônio (Fotos: Portal Infonet)

Moradores que vivem em áreas de risco e deslizamentos estão temerosos com as chuvas de outono que atingem a capital sergipana.  Em Aracaju, segundo a Defesa Civil Municipal, há 12 áreas de riscos. Todavia, segundo informou a DC, medidas estão sendo tomadas para evitar os deslizamentos nessas áreas. O Portal Infonet foi até uma das regiões da capital onde há casas em situação de risco de desabamento. As famílias relataram o drama de viver sob o medo de um deslizamento.

Na Rua Coronel José Pacheco Lima, no bairro Santo Antônio, a convivência com o medo é comum. Todos os anos os moradores se preparam para viver momentos de tensão diante da possibilidade de desabamentos durante o período chuvoso. A dona de casa Daniela Santos de Oliveira conta que o município tem conhecimento da situação das famílias, mas que nunca tomaram providências. “Nós já realizamos abaixo assinado, já fizemos um pedido à Prefeitura para tomar soluções, mas nada foi feito. Quando chove a gente não dorme com medo de desabamentos”, contou.

Daniela dos Santos mora em uma das 12 áreas com risco de deslizamento de terra mapeadas pela Defesa Civil de Aracaju. A casa dela fica no topo de uma das encostas e está com as paredes e o muro rachados. Segundo ela, um poste, que fica em frente a sua casa, pode cair a qualquer momento. “O perigo aqui é constante. A qualquer momento pode acontecer uma tragédia aqui e ninguém poderá fazer mais nada, depois que pessoas morrerem”, lamenta.

Daniela dos Santos "O perigo aqui é constante"

Devido a ação das chuvas, a casa do aposentado José de Santana, de 70 anos de idade, também foi afetada. A água desgastou parte do solo que fica ao lado de sua casa e deixou o muro prestes a desabar.

“Nós já fizemos de tudo aqui. Já chamamos a prefeitura para ver o que está acontecendo, mas de nada adiantou. Novas chuvas chegaram e os problemas continuam. É assim todos os anos”, disse.

Medidas

De acordo com a Defesa Civil, desde o inicio das chuvas alguns métodos paliativos estão sendo adotados. Segundo o coordenador da DC, Reginaldo Moura, as áreas estão sendo monitoradas pelas equipes. São consideradas áreas de risco os seguintes locais: Bairro America, Cirurgia, na rua Riachão, Cidade Nova, Bairro Industrial, no Manoel Preto, Jaboatiana, Jardim Centenário, Lamarão, Olaria, Porto Dantas , Santo Antonio, Santa Maria e Soledade.

Casas poem desabar

“A gente está acompanhando e monitorando os 12 locais que apresentam riscos de deslizamento. Estamos ainda, elaborando um trabalho de orientação nessas comunidades, pois há locais que lixos são jogados nas encostas e algumas ainda possuem bananeiras, que são plantas que deixam o terreno mais umedecido. É importante salientar que construções irregulares no local propiciam esses deslizamentos. Portanto, a comunidade tem que fazer a sua parte”, orienta.

Por Eliene Andrade

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais