Chuvas causam transtornos na Grande Aracaju

0

Depois de mais de 24 horas, quase intermitente, de chuva, desde às 22h do último sábado, a Grande Aracaju apresentou diversos problemas. De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Adalberto Figueiredo, a chuva causou muitos transtornos, chegando a transbordar canais, provocar enchentes em conjuntos residenciais e alagamento de residências e barracos.

Ele informou que o caso mais grave até o momento foi o desabamento de uma residência no bairro Santo Antônio. A proprietária foi levada pelo Corpo de Bombeiros ao pronto-socorro com ferimentos leves. “Estamos vistoriando desde que a chuva começou, recebendo informações e monitorando alguns municípios que sofreram com as chuvas”, diz.

“Em São Cristóvão, no Jardim Universitário (Rosa Elze) várias casas foram invadidas com a vazão de um riacho, deixando a comunidade apreensiva. Somente agora pela manhã é que parece que a situação está melhor”, comenta Figueiredo, acrescentando que o rio Paramopama teve sua vazão aumentada, chegando ao seu limite máximo no leito principal.

De acordo com o coordenador, os rios Poxim e Cotinguiba também aumentaram seu volume e chegaram a transbordar em algumas partes, invadindo as casas localizadas em suas margens. “Conversei com a prefeita de Itaporanga D’Ájuda, que me relatou que algumas casas foram invadidas, como também moradores do município de Laranjeiras, que ficaram apreensivos com o volume de água no rio Cotinguiba”, relata.

“Os bairros de Aracaju que apresentam os maiores problemas quando as chuvas aumentam são conhecidos pela população, a exemplo do bairro Santa Maria, que é bastante vulnerável tendo problemas rotineiros”, ressalta Adalberto Figueiredo.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais