Condutores do Samu e professores estaduais param dia 9

0

Categorias param no dia 9 (Fotos: divulgação)

Duas categorias vão paralisar as atividades na próxima quarta-feira, 9 de maio: condutores do Samu e professores de rede estadual. Ambas querem negociar com o Governo do Estado questões salariais.

No caso dos condutores do Samu, a reivindicação é o reajuste salarial, além da criação de uma lei que garanta a estabilidade dos servidores da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) após seu fechamento. A greve dos condutores do Samu é por tempo indeterminado, mas o sindicato prometeu manter escala de 40%.

Já os professores da rede estadual reivindicam que o governador Belivaldo Chagas apresenta uma proposta para a retomada da carreira do magistério, o que significa o pagamento de gratificações diferenciadas conforme o nível de formação dos professores. No dia 9 de maio, eles farão um ato em frente ao Palácio dos Despachos.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais