Conselho Tutelar vai pedir apuração da morte de criança de oito meses

0

Delegacia de Poço Redondo pode investigar o caso (Foto: Arquivo Infonet)
O Conselho Tutelar de Poço Redondo enviará ainda nesta segunda-feira, 24, um relatório em que pede à delegacia da cidade a instauração de inquérito para apurar a morte de uma criança de oito meses. Ela foi atingida na cabeça por um pedaço de madeira atirado pelo pai durante uma briga conjugal.

A criança veio a óbito nesse domingo, 23, depois de ficar internada na capital por 14 dias. A conselheira Ana Neri Cordeiro disse que uma equipe esteve com a família no início da tarde para apurar o que ocorreu. “Nós só ficamos sabendo por boatos, porque não foi registrado nenhum boletim de ocorrência na delegacia e por isto fomos até a casa da família”, explica.

Segundo ela o caso ocorreu no dia 10 deste mês, durante uma briga entre os pais da menina. No calor da discussão o pai atirou um pedaço de madeira na direção da mulher, mas acabou atingindo a cabeça criança. Ela acabou sendo transferida para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) depois de receber atendimento no hospital municipal, pois o estado de saúde foi se agravando.

A criança foi submetida a uma cirurgia no Huse e ficou internada no Centro de Terapia Intensiva (CTI), mas não resistiu e veio a óbito no último domingo. “Vamos pedir que a polícia apure os fatos e tome as medidas cabíveis”, resumiu a conselheira. O delegado da cidade só deve se pronunciar sobre o caso depois de receber o relatório.

Comentários