Conselhos tutelares de 25 municípios recebem carro e computadores

0
Carros recebidos por Conselhos Tutelares
Ministra Damares Alves (ao Centro)

Os Conselhos Tutelares de 25 municípios receberam neste sábado, 13, um kit com carro zero quilômetro, cinco computadores, uma impressora, um refrigerador e um bebedouro. Os equipamentos, que foram adquiridos com recursos oriundos de emenda parlamentar, foram entregues oficialmente na sede da Federação dos Municípios do Estado de Sergipe (Fames) em solenidade que contou com a presença da ministra da Mulher, Famílias e Direitos Humanos, Damares Alves.

A escolha dos municípios que receberiam os kits, conforme a ministra, teve como base a indicação do parlamentar que destinou a emenda para a compra dos equipamentos. “Quando cheguei, isso já estava decidido, mas estava parado por questões burocráticas. Então, quando vi esses carros parados por causa de questões burocráticas, imediatamente o Governo do Estado também entendeu que havia a necessidade, pois crianças estão sendo machucadas e os Conselho Tutelares estão desaparelhados. A partir daí, nos reunimos e unimos forças para fazer essa entrega”, detalha.

Um dos municípios contemplados com a entrada do kit é a Barra dos Coqueiros. “A gente usa um carro que foi locado pela Prefeitura para que não haja a desassistência na região. Mas existe muita dificuldade porque o carro sempre dá problemas. Agora teremos um carro novo que vai ajudar no nosso trabalho de garantir os direitos da criança e do adolescente”, comenta Nevirton Santana, conselheiro tutelar da Barra dos Coqueiros.

O prefeito de Maruim, Jeferson Santana, também agradeceu a entrega dos kits. “Facilitaremos o trabalho dos nossos conselheiros. Maruim, apesar de ser um município perto da capital, também necessita ter uma boa estrutura para acolher as crianças e adolescentes”, comenta.

Políticas públicas

Durante coletiva com jornalistas, a ministra Damares Alves revelou Brasil tem números alarmantes acerca dos abusos contra meninas e adolescentes. “Essa é uma nação abusa das meninas. Ganhamos o título de pior país da América Latina para criar meninas. Uma a cada três meninas até 18 anos estão sendo abusadas. Isso quer dizer um terço das mulheres adultas, mulheres que vão para o mercado de trabalho machucadas, pois quem passou sabe que o abuso não encerra no ato, ele é pra vida toda”.

Na ocasião, a ministra também destacou as políticas públicas da sua pasta para Sergipe. “Vamos incluir Sergipe na Campanha Nacional de Prevenção ao Suicídio, continuaremos os investimentos nos Conselhos Tutelares do Estado, traremos os projetos de enfrentamento da violência contra a mulher e também o acolhimento da pessoa com deficiência”, detalha.

por Verlane Estácio

Comentários