Convênio permite implantação do processo virtual em Sergipe

0

A presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE), desembargadora Marilza Maynard, assinou em Brasília-DF, um convênio que possibilitará os termos de cooperação técnica para a implantação do sistema de processo virtual. O convênio foi assinado com a presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, ministra Ellen Gracie.

Um dos acordos prevê o estudo, o desenvolvimento e a implementação propriamente dita da virtualização nos trâmites processuais, com o objetivo de promover maior rapidez, segurança e transparência no andamento dos processos.

O segundo termo de cooperação trata do desenvolvimento de padronização e uniformização de classes e nomes a ser empregada nos sistemas processuais do Poder Judiciário.

Processo Virtual

O processo virtual prevê a tramitação digital dos processos judiciais, dispensando o uso de papel. Com isso, o Judiciário conseguirá maior celeridade, mais facilidade de acesso e economia, entre outras vantagens.

O objetivo é também criar uma padronização de dados para possibilitar uma integração de informações entre os diferentes tribunais do Brasil, sejam eles trabalhistas, federais, militares ou estaduais. A padronização vai possibilitar a centralização de informações e a racionalização de processos.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais