Conversas não agradam ao Senador

0

Por detrás desta história está o fato de que o Senador Almeida Lima não consegue empolgar com sua candidatura a governador nem mesmo o seu partido, o PMDB. Peemedebistas históricos, como os deputados federal Jorge Alberto e estadual, Marcos Franco, nem sequer discutem esta candidatura, preferindo apoiar a reeleição do governador João Alves Filho.

O fato novo agora é a possibilidade de o PMDB integrar-se à oposição, inclusive ocupando a cadeira de vice-governador. Estas negociações – ou, ao menos, estas conversas – teriam desagradado inteiramente ao Senador Almeida Lima, que, como se sabe, não morre de amores pelo prefeito Marcelo Déda, porque ele é apoiado pelo seu primo, Jackson Barreto.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais