Cooperativa atribui evasão de passageiros aos recorrentes assaltos

0

Os assaltos realizados dentro dos micro-ônibus que fazem o transporte entre os municípios sergipanos, segundo a presidente de uma das cooperativas, têm sido um dos fatores responsáveis pela redução de passageiros no sistema de transporte. A maioria das ações criminosas ocorrem com emprego de armas de fogo e de forma violenta.

Confira a reportagem completa no vídeo:

SSP

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública se pronunciou.

“No combate aos roubos a ônibus do transporte intermunicipal, a Polícia Civil tem feito o monitoramento dos casos, identificando possíveis grupos e locais com maiores demandas, a partir do serviço de inteligência. Todo o trabalho da PC tem o objetivo de identificar os criminosos, efetuar prisões e inibir ações futuras.

Recentemente, investigações da Delegacia de Maruim levaram à prisão de assaltantes de ônibus na região do Vale do Cotinguiba. No ano passado, também a partir do trabalho de inteligência, a Polícia Civil identificou e prendeu um bando que agia nos ônibus interestaduais no município de Indiaroba.

No âmbito da Polícia Militar, medidas preventivas têm sido adotadas no sentido de frustrar ações delituosas no interior dos ônibus que percorrem as rodovias estaduais. Assim, o Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) vem promovendo constantemente a Operação Divisa Segura em seus postos.

Na ação, os militares atuantes no BPRv abordam as mais diversas linhas de ônibus, promovendo revistas aos veículos e passageiros, na busca por armas, drogas e pessoas com mandados de prisão em aberto. O trabalho visa, não só prender criminosos, mas conter a ação destes e dar uma sensação de tranquilidade aos passageiros.”

Comentários