Corpo de ex-presidiário é encontrado com marcas de tiros

0
Crime será investigado pela Polícia Civil (Foto: Arquivo Ascom/SSP Sergipe)

O corpo de Genildo dos Santos, 38, foi encontrado no final da manhã da segunda-feira, 28, em uma estrada no povoado Araticum, em Japaratuba, e apresentava perfurações na cabeça em consequência de disparo de arma de fogo. De acordo com a família, o corpo já apresentava sinais de decomposição. Os familiares não sabem ao certo quando o crime aconteceu e a ex-companheira reconheceu a vítima pelos detalhes da roupa, pés e mãos da vítima quando observou as fotos espalhadas em grupos de WhatsApp no momento em que o corpo foi encontrado na estrada. “Reconheci o cinto [que Genildo usava] que eu dei pra ele e também reconheci o pé e a mão dele”, conta a ex-companheira, que prefere não ser identificada. Há cinco meses, eles se separaram.

Conforme a ex-companheira, a mãe e a vítima se encontraram no sábado à tarde, 26, no povoado Riachão, naquele município, onde a família reside. “Ele foi na casa da mãe dele buscar umas coisas que ela comprou pra ele e disse que ia sair, mas não disse para onde ia”, ressaltou a mulher. “Não sabemos se o crime aconteceu no sábado ou no domingo, mas o corpo já estava em decomposição”, ressaltou.

Genildo dos Santos já foi preso, acusado por roubo. Os motivos do crime ainda não são esclarecidos e deverão ser investigados pela Polícia Civil.

por Cassia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais