Corpo de italiano permanece no IML

0

Corpo foi encontrado no fundo dessa residência localizada no Mosqueiro(Foto: Portal Infonet)
O corpo do italiano Mirgione Antônio, de 69 anos, que foi estrangulado na região do Mosqueiro, Zona de Expansão de Aracaju, ainda continua no Instituto Médico Legal (IML).

De acordo com as informações de um funcionário do órgão que preferiu não ser identificado, a vítima é da cidade de Prata e foi encontrada com as mãos amarradas dentro de um banheiro da casa onde residia.

Crime

A equipe do Portal Infonet que esteve acompanhando o caso na noite de terça-feira, 16, foi impossibilitada de entrar na residência pelos proprietários, que muito abalados tentavam contato com familiares da vítima, na Itália.

As informações iniciais davam conta de que poderia ter sido suicídio, já que nenhum objeto foi roubado e não existiam indícios de arrombamento. No entanto com a chegada da equipe do IML e da criminalista foi constatado que a vítima se encontrava com as mãos amarradas e com sinais de estrangulamento.

As informações ainda dão conta de que o coordenador da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoas, (DHPP) delegado Everton Santos, que comanda as investigações, estaria ouvindo na manhã desta quarta-feira, 17, algumas pessoas e os proprietários da casa.

Comentários