Corte de energia atinge feirantes

0

Muitos feirantes do Mercado Albano Franco estão revoltados. A Energipe (Empresa Energética de Sergipe) cortou o fornecimento de energia para os feirantes que estão inadimplentes. Os feirantes reclamam que a energia foi cortada sem aviso prévio. Muitos fizeram gambiarras para continuar trabalhando. O feirantes dizem que a energia foi cortadas porque a Prefeitura de Aracaju deixou de subsidiar a fornecimento. A administração do mercado argumenta que a responsabilidade pela energia interna do box é de cada feirante, cabendo à empresa que administra o mercado apenas a energia externa. A administradora teme que esta situação tome proporções maiores, pois muitos feirantes dizem que não vão quitar os débitos.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais