Defensores decidem sobre greve ainda neste mês de março

0

Assembléia na sede da OAB definiu as formalidades para deflagração da greve
Os defensores públicos estaduais podem entrar em greve até o fim do mês de março, reivindicando melhorias salariais e administrativas. A classe se reuniu em assembléia durante a tarde desta quarta-feira, 5, para discutir as formalidades legais de deflagração da greve. As medidas são precauções para que a paralisação não seja considerada ilegal, como acontecido recentemente com o Sindifisco.

As reivindicações dos defensores se concentram na melhoria salarial, e nas questões de infra-estrutura para o serviço. “Desde o governo passado que a defensoria não vem sendo tratada como deve. Só para ter uma idéia nós ganhamos quatro vezes menos que um promotor público estadual”, explica Marcos Feitosa, diretor financeiro da Associação dos Defensores Públicos Estaduais.

Uma das provas da falta de estrutura do órgão, é a alta evasão dos concursados após assumiremas vagas. Da primeira seleção, que nomeou 76 defensores, apenas nove estão em atividade. Do último concurso, que abriu 35 vagas, já estão chamando o 96º excedente. “Os

Marcos Feitosa, diretor financeiro da Associcação dos Defensores Públicos de Sergipe
defensores usam a carreira como alavanca, porque o salário e as condições de trabalho são ruins com a defensoria estruturada quem ganha é a sociedade”, afirma Marcos.

Problemas com Defensor Geral

Outro agravante para a categoria, segundo Marcos, tem sido o posicionamento do defensor geral Elber Batalha, que estaria violando as prerrogativas dos defensores. Uma das provas teria sido a indicação do novo corregedor, que de acordo com o estatuto, deve ser feita através de uma lista sêxtupla composta através de votação no Conselho Superior da Classe.

Batalha teria imposto que cada conselheiro indicasse um só nome, ao invés de seis. Até agora os defensores entraram com três mandados de segurança contra ações do defensor-geral, e todos foram aceitos.

Por Ben-Hur Correia e Carla Sousa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais