Deputado denuncia liberação de corpos

0

O deputado Gilmar Carvalho oficiou ao Procurador Geral de Justiça do Estado de Sergipe, Luis Valter Ribeiro Rosário, denunciando que o Instituto Médico Legal “trata de forma diferenciada as autoridades, num órgão criado para atender a todos de forma igualitária”.

O deputado revela que os corpos do prefeito de Tobias Barreto, Airton Andrade e do assessor da presidência da Câmara de Vereadores de Lagarto, Júlio Evangelista, foram liberados no início da madrugada de ontem, mesmo com comunicado que o próprio IML havia enviado ao Ministério Público onde informava que os corpos só seriam liberados até as 18 horas ou a partir das 6 horas do dia seguinte.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais