Deso inicia substituição de tubulação da Adutora do Semiárido

0
Deso inicia a substituição de parte da tubulação da Adutora do Semiárido (Foto: arquivo Deso)

A Companhia de Abastecimento de Sergipe (Deso) já iniciou as obras de substituição de parte da tubulação da rede da Adutora do Semiárido. A primeira intervenção está sendo realizada no trecho situado no município de Porto da Folha. A obra ocorrerá em um trecho de 3km e a previsão é concluir em quatro meses.

De acordo com a Deso, há um trecho de 3000 metros que registra rompimentos com frequência. A empresa utilizou um mapa de calor que identificou os vazamentos e apontam que 95% deles acontecem em um trecho específico. Ainda segundo a Deso, existem rompimentos em outros trechos, o que é natural em uma rede de abastecimento de água, que está sofrendo pressões elevadas, cargas e transientes hidráulicos.

O diretor de Operação e Manutenção, Carlos Anderson Pedreira, revelou que as intervenções serão feitas das 7h às 19h, quando a rede já estará em carga novamente, para que não tenha tanto reflexo no abastecimento. “Com o início da obra, as paralisações ocorrerão a cada 15 dias, ou seja, serão por etapas. Esses quatro meses serão porque iremos executar os serviços a cada 15 dias e um dia para recuperar o sistema. O que vai ditar o segundo passo é exatamente a recuperação do sistema quando finalizar essa primeira intervenção”, disse Carlos Anderson.

Segundo Marcelo Santos Barreto, gerente de Produção e Distribuição Sertão, a obra vai beneficiar o sistema de abastecimento de água dos municípios do Alto e Médio Sertão e Agreste central do nosso estado. “A intervenção vai proporcionar a solução de sequenciais rompimentos, que por sua vez, causam descontinuidade direta no abastecimento de sete municípios e de forma indireta, em outros três municípios. Com essa correção, teremos a possibilidade de ofertar um serviço com maior qualidade e eficiência a população. No momento, todos os nossos esforços estão voltados para dar a maior celeridade no andamento da obra, utilizando a melhor logística possível para minimizar os transtornos relacionados ao abastecimento no período de execução do serviço programado”, disse.

Rompimentos

Os rompimentos na Adutora do Semiárido já foram noticiados diversas vezes pelo Portal Infonet. Os acidentes são constantes e têm como consequência as interrupções no fornecimento de água nos municípios do sertão.

Com informações da Deso

 

 

Comentários