Desvios de verbas do Fundef ainda não foram esclarecidos

0

O Tribunal de Contas de Sergipe ainda não concluiu a investigação a respeito de denúncias feitas pelo Sindicato dos Trabalhadores da Rede Oficial de Educação Básica de Sergipe – Sintese – há nove meses. As denúncias estão relacionadas a possíveis irregularidades quanto ao desvio de verbas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e Valorização do Magistério – Fundef. As acusações relatam irregularidades em 53 municípios sergipanos. Na semana passada, membros do sindicato estiveram com o presidente do Tribunal, Heráclito Rolemberg, e receberam a informação de que não há previsão para a conclusão dos trabalhos. O vice-presidente do Sintese, Joel Almeida, aguarda a execução da proposta do Ministério da Educação – MEC – de criar uma força-tarefa, unindo o seu trabalho ao da Controladoria Geral da União, Tribunal de Contas da União e Polícia Federal, a fim de agilizar as investigações sobre as irregularidades.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais