Dom Luiz Cappio inicia jejum em defesa do rio São Francisco

0

Carta aberta do Frei Cappio. Clique para ampliar
Dom Luiz Luiz Cappio, bispo da diocese de Barra (BA), iniciou nesta terça-feira, 27, mais um jejum em protesto contra a transposição do Rio São Francisco. Ele está na Capela de São Francisco, em Sobradinho (BA) e afirma que as condições para o desfecho do ato não consideram a retomada de diálogo com o Governo Federal.

 

Segundo o bispo, a sua greve só terá fim quando for feita a “retirada do exército nas obras do eixo norte e do eixo leste e o arquivamento definitivo do projeto de transposição de águas do rio São Francisco. Não existe outra alternativa”, explica em carta divulgada ontem. Dom Cappio alega que todas as tentativas de diálogo com o governo foram frustradas e que não foi cumprido o acordo assinado pelo presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, e por ele, quando do seu primeiro jejum há dois anos.

 

Ele ainda afirma que o governo “se manteve surdo” frente às mobilizações feitas pelas organizações sociais, movimentos populares, pesquisadores e comunidades tradicionais. Em 2005, entre 26 de setembro e 5 outubro, Dom Cappio fez sua primeira greve de fome, em Cabrobó (PE).

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais