Dor e revolta no velório do taxista Carlos Augusto

0
Carlos Augusto de Almeida foi encomntrado morto nesta manhã (Fotos: Portal Infonet)

Familiares e diversos taxistas compareceram ao velório do taxista Carlos Augusto de Almeida, de 51 anos, encontrado morto na manhã desta terça-feira, 24, nas imediações do banho doce, na Praia de Aruana, zona de expansão da capital sergipana. O velório está acontecendo na Osaf da rua Itaporanga.

Durante o velório, familiares estavam inconformados com o crime e pediam justiça. O irmão da vítima, Carlos Claudio de Almeida Menezes [também é taxista] estava inconsolado com a morte prematura do irmão. “Hoje quem sustenta os marginais são a população porque eles matam quem trabalham e quem sustenta o país. Nessa hora eu sei que nos é que temos que nos trancar. Se me pegam com uma arma, que eu também sou taxista, eu vou preso. Eles são presos e amanhã são soltos", conta.

Carlos Cláudio estava inconsolado com o crime e cobrou justiça

O taxista Adalberto da Silva diz: "estamos à mercê dos bandidos"

Presente no velório, Adalberto da Silva Filho, que é taxista e conhecia a vítima, informou que o trabalhador está à mercê dos bandidos. “Estamos à mercê dos bandidos e a população que vai ser penalizada quando a gente começar a parar de rodar a noite porque a insegurança está demais”, informa.

Além de taxista, a vítima era servidor público do Ministério da Saúde em Sergipe, segundo afirma a colega Gerdiney dos Santos. A servidora do Ministério da Saúde, Gerdiney dos Santos, falou sobre o colega de trabalho. "Ele era educado, alegre e estava cedido ao posto da Barra. Quando soubemos da morte dele foi um choque. Uma colega nossa foi que nos avisou e quando disseram o nome dele foi lamentável. É uma perda muito grande. Não existe mais segurança. Já roubaram o meu veículo na rua de Estância e até hoje não acharam", conta.

Diante do ocorrido, o Sindicato dos Taxistas promoverá uma reunião por volta das 19h desta terça-feira, 24, para discutir a falta de segurança para a categoria.

O sepultamento está previsto para ocorrer às 9h da manhã da quarta-feira, 25, no cemitério Santa Izabel.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais