Durante abordagem, PF apreende 90 kg de crack

0
(Foto: Divulgação / Polícia Federal)

Dois traficantes de drogas foram presos por policiais federais na noite desta quarta-feira, 8. As prisões ocorreram durante abordagem realizada a veículos que trafegavam pela BR 101, na entrada de Aracaju. No veículo conduzido pelos elementos, uma caminhonete Amarock, a polícia encontrou cerca de 90 kg de crack escondidos em um fundo falso.

Foram presos em flagrante, Igor Dias Monteiro, 27 anos, natural do Estado do Mato Grosso, e Deivit Roberto Dezan, 28 anos, natural do Paraná. Segundo informações da polícia, a dupla vinha do Estado de Minas Gerais e pretendia realizar o repasse da droga na capital sergipana.

De acordo com o delegado responsável pela apordagem, Daniel Horta Alves, durante os trabalhos de vistoria de veículos, os policiais federais perceberam um comportamento suspeito nos condutores.

O delegado, Daniel Horta Alves (Foto: Portal Infonet)

“Na abordagem desse veículo em questão, foi constatado que a dupla demonstrava um excesso de nervosismo, fazendo com que eles tentassem evadir da abordagem”, disse o delegado.

O veículo foi parado e os condutores foram encaminhados a sede da Polícia Federal. Após vistoria realizada na traseira da caminhonete, a polícia encontrou cerca de 90 kg de crack em um fundo falso na traseira do veículo.

Em depoimento a polícia, os elementos confirmaram que trouxeram a droga para distribuição em Aracaju, bem como teriam negociado em novembro de 2013, outro carregamento de drogas na capital sergipana. A dupla foi encaminhada a Delegacia Plantonista, onde permanecem à disposição da 4ª Vara Criminal.

Cerca de 50 veículos foram abordados pelos agentes. A operação teve por finalidade, reprimir a entrada de drogas e armas na capital sergipana, bem como promover a recaptura de foragidos.

Por Leonardo Dias e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais