Eletricitários: categoria avalia possível paralisação

0

Neste sábado, 17, é o Dia do Eletricitário e, para lembrar a data, a categoria se reúne para uma confraternização, a partir das 9h, no Clube da Caixa Econômica. “Na realidade, a categoria não tem o que comemorar diante do impasse entre trabalhadores e a Energisa para o fechamento do acordo coletivo, mas estaremos avaliando o momento e nos fortalecendo”, declarou o presidente do Sindicato dos Eletricitários de Sergipe (Sinergia), Sérgio Alves.

A confraternização será marcada por atividades esportivas, a exemplo de futebol, com a entrega de troféus para as equipes vencedoras. Também será serviço almoço ao som da banda Sambacana. A confraternização integra o calendário anual de eventos dos eletricitários. No período da tarde, a categoria se reúne para realizar a avaliação do movimento sindical.

Acordo Coletivo

Após três rodadas de negociações, eletricitários e diretoria da Energisa não chegam ao consenso. Insatisfeita, a categoria, que reúne cerca de 950 trabalhadores, está visualizando uma provável paralisação das atividades, seguindo os tramites legais. A principal reivindicação dos eletricitários é em relação à terceirização dos serviços. “O combate a não terceirização dos serviços é para evitar acidentes. Acreditamos que a prevenção deve prevalecer”, afirmou Sérgio. 

Consta ainda na pauta de reivindicações, piso salarial de R$ 750,00 (atual corresponde a R$ 465,00); aumento da Participação de Lucros e Resultados (PLR), que atualmente é  o menor do que os percebidos pelos eletricitários dos Estados de Alagoas, Bahia e Rio Grande do Norte. A única cláusula de consenso é quanto ao ganho real acima do Índice do Custo de Vida (ICV) do Dieese, correspondente cerca de 5%

Comentários