Encomendas pelo Sedex sofrem atrasos

0

Os Correios não conseguem entregar Sedex de um dia para o outro em pelo menos 285 percursos – ou 35% do total – ligando capitais de todas as regiões do país. Em 19 delas, o prazo para entrega da encomenda expressa é de três dias a contar da postagem.

A estatal avalia que só conseguirá resolver o problema de forma definitiva com a edição de uma medida provisória que mudará a forma de contratação das empresas aéreas responsáveis pela Rede Postal Noturna – serviço que custa R$ 400 milhões por ano aos Correios. Apesar da quantidade de percursos envolvidos, o volume total do tráfego que não chega de um dia para o outro ao seu destino é pequeno, segundo a estatal: 3,2% do total de aproximadamente 214 mil encomendas enviadas por dia.

Os problemas começaram em outubro, quando as empresas aéreas responsáveis pela maior parte do transporte das encomendas começaram a apresentar problemas. Algumas aeronaves da empresa Total foram impedidas de voar pela ANAC. A TAF, outra cargueira, teve problemas mais sérios e parou de operar transporte de carga para os Correios em fevereiro. Juntas, as empresas têm mais de 90% das rotas da Rede Postal Noturna.

As opções

Os Correios ampliaram de 24 horas para 48 horas ou 72 horas o prazo de entrega via Sedex em algumas rotas entre capitais. Nesses locais, o Sedex 10, que prevê entrega até as 10h do dia seguinte à postagem foi suspeita. Os Correios apontam a falta de aviões de carga como motivo para o problema. É que duas das mais importantes empresas no transporte de carga pararam de operar.

Se o cliente tiver urgência na entrega, terá que procurar outras empresas nas cidades com problemas. Entre as opções no mercado privado estão TAM e FedEx. Ambas estão também servindo ao mercado sergipano.Uma encomenda saindo do Estado do Amazonas pelos Correios para qualquer estado do Nordeste, inclusive Sergipe não chega com menos de 72 horas. De São Paulo para o Nordeste, o prazo é de pelo menos 48 horas.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais