Enteado mata padrasto após discussão com irmã

0
Crime será investigado pela Polícia Ciil (Foto: Alan de Carvalho)

Um homem de 42 anos foi assassinado pelo próprio enteado, crime ocorrido no final da tarde da quinta-feira, 15, no povoado Campo Grande, no limite entre os municípios de Siriri e Nossa Senhora das Dores. A vítima, identificada como José Edgar dos Santos, 49, teria tentado “apartar” uma briga entre os dois irmãos e acabou atingido por golpes de arma branca desferido pelo agressor identificado como José Rafael Rodrigues Souza, 32, que está preso.

De acordo com informações do tenente-coronel Ianderson Maia, comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar, o acusado foi localizado na noite da quinta-feira, 15, algumas horas depois do crime. O tenente-coronel informou que o acusado ainda estava com a faca que teria sido usada para cometer o crime e que apresentava lesões classificadas como leves. À polícia, o acusado revelou que também teria sido atingido durante a briga.

Conforme o tenente-coronel, a briga entre Rafael e a irmã começou no final da tarde, momento em que o acusado teria ficado incomodado com o volume do aparelho de som da irmã, que estava ouvindo música. O acusado pediu para ela desligar o aparelho e houve uma discussão, seguida por briga física, conforme informações do tenente-coronel. No momento, de acordo com o comandante do BPM, Edgar tentou intervir para evitar a briga e acabou atingido por golpes de faca, que o agressor estaria portando na cintura.

A vítima chegou a ser socorrida com vida, mas morreu na Clínica da Família, na cidade de Nossa Senhora das Dores. O acusado está preso na cidade, à disposição da justiça.

Por Cássia Santana

Comentários