Equipes recolhem quase 40 toneladas de sargaço das praias de Aracaju

(Foto: Emsurb)

Quase 40 toneladas de sargaço foram recolhidas das praias de Aracaju, segundo informações da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb). A limpeza foi intensificada na última sexta-feira, 28, em virtude da chegada de plantas aquáticas às faixas de areia de praias da capital sergipana.

“Essas plantas, chamadas de sargaço, são uma espécie de alga flutuante e geralmente chegam às faixas de areia quando há um grande fluxo de chuvas nos rios que acaba empurrando esse material orgânico para o mar”, explica Bruno Moraes, diretor de operações da Emsurb, Bruno Moraes ao enfatizar o esforço da gestão municipal para manter as praias limpas, em especial nesta época do ano em que o fluxo de turistas e aracajuanos nesses locais aumenta.

Bruno salienta que, diante da chegada dessas algas, a Emsurb ampliou o número de equipes dedicadas somente à limpeza de praias, saltando de duas, como é o padrão, para seis. “E contamos com duas retroescavadeiras que auxiliam quando o volume excede a naturalidade”, frisa.

“Até o momento, já recolhemos 39 toneladas de sargaço que chegaram ao litoral aracajuano e, provavelmente, esse quantitativo vai aumentar. Com a subida da maré, estamos reunindo em montes para, em seguida, retirar, quando as caçambas, três no total, conseguirem entrar na faixa de areia”, explica o diretor de operações da Emsurb.

Em situações normais, ressalta Bruno, quando são deslocadas duas equipes para fazer a limpeza das praias, a Emsurb também utiliza uma máquina saneadora. “No entanto, nesse caso específico das algas, não podemos utilizar a máquina porque engancha na estrutura da saneadora e ela acaba perdendo a sua finalidade. A máquina atua como um pente na areia e faz um leve corte de cinco a dez centímetros, e peneira tudo o que está na faixa de areia e joga numa caçamba que fica acoplada a ela, para em seguida fazermos a destinação correta”, pontua.

Com informações da AAN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais