Erro de ata pode gerar novo julgamento de juiz

0

O julgamento do juiz aposentado Francisco Novaes foi anulado e ele deverá voltar ao banco dos réus. Isto, por causa de um erro na elaboração da ata onde deveria constar o resultado do julgamento. Ao invés de constar a condenação de 18 anos de prisão por sete votos a zero, estava registrado sua absolvição.

Nem os membros do Ministério Público souberam explicar como o erro ocorreu. Apesar de algumas divergências ficou decidido que haverá um novo julgamento. Os desembargadores Gilson Góes e Pascoal Nabuco entendem que a ata é o documento principal sobre o resultado do Júri Popular e diante de divergência com a sentença afirmaram ser o mais correto um novo julgamento.

O juiz Francisco Novaes responde pela acusação de autor intelectual do assassinato do promotor Valdir Dantas.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais