Escolas estaduais amanhecem sem aulas

0

Em assembléia realizada na tarde de ontem, os professores da rede pública estadual resolveram voltar a paralisar as atividades. A decisão foi tomada devido à falta de negociação com o governo do Estado, que até o momento não se posicionou em relação a um reajuste salarial. “Havia sido anunciado que saberíamos o novo valor no dia de ontem, mas ontem mesmo o secretário de Educação disse que o anúncio só virá na próxima sexta, quando o governador fará um pronunciamento sobre os reajuste de todos os servidores do Estado”, afirmou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Rede Oficial Sergipe – Sintese -, Iran Barbosa. Na assembléia realizada ontem, a paralisação foi decidida por unanimidade. Os professores não descartam a possibilidade de se realizar uma greve por tempo indeterminado. “Não temos condições nem psicológicas de trabalhar. Estamos sendo submetidos a muita humilhação”, disse a professora Heloísa Dantas. Os alunos e os professores esperam por uma posição do governo em relação ao reajuste.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais