Esposas de PMs tentarão falar com o presidente Lula

0

Movimento irá tentar se reunir com o presidente Lula
Mais uma vez, as esposas dos policiais militares fizeram uma manifestação em protesto ao reajuste salarial concedido pelo Governo do Estado. Dessa vez, as mulheres foram à Praça da Bandeira, no Bairro Cirurgia, para reunir-se em direção à inauguração do Centro de Educação Profissional José Figueiredo Barreto, onde o presidente Luis Inácio Lula da Silva irá discursar.

A organizadora do movimento e presidente da Associação das Esposas dos Policiais Militares, Eliane Correia, a manifestação é de apoio ao presidente. “Vamos demonstrar a nossa adesão ao Governo Lula, pois ele realmente valoriza o policial militar, ao

A presidente da Associação das Esposas dos Policiais Militares, Eliane Correia
criar a Força Nacional. Hoje em dia, um soldado da União ganha R$ 6 mil”, afirma Eliane.

Quando as esposas dos policiais chegarem à inauguração, elas irão tentar, de alguma maneira, uma forma de entrar em contato com o presidente. “Tentaremos uma abordagem para expor ao presidente os problemas que os nossos esposos estão passando e mostrar que a situação não está tão resolvida assim quanto o governador Déda afirma”, diz a presidente da associação.

Negociações com Pedroso 

As esposas dos policiais esperam ansiosamente que o novo canal de negociação, aberto através do novo comandante-geral, coronel Pedroso, consiga o reajuste salarial solicitado pela categoria. “Estamos confiando no comandante-geral. Esperamos que ele realmente consiga apaziguar os ânimos”, diz Eliane.

Por fim, a esposa diz que o movimento não irá recuar até o fim das negociações. “Estamos dando um voto de confiança a essa negociação. Queremos salários dignos e justos”, reivindica a presidente da Associação.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais