Estradas sergipanas em péssimo estado, diz CNT

0

A Confederação Nacional do Transporte (CNT) analisou mais de 87 mil km de estradas em todo o país e constatou que cerca de 65 mil km têm algum tipo de problema. Em Sergipe, a maior parte dos trechos pesquisados receberam qualificações entre regular e péssimo, pouco mais de 10% foi considerado ótimo.

 

Todo os 207 km da BR-101 em Sergipe que foram visitados pelas equipes da CNT receberam notas entre regular e ruim nos itens pavimentação, sinalização, geometria e estado geral. A BR-235 recebeu a qualificação de ótimo para a pavimentação dos seus 108 km pesquisados.

 

Dentre os trechos de rodovias estaduais que constam na pesquisa, apenas a SE-302 chegou a receber uma qualificação ótima, apenas no item pavimentação. Todos os outros itens desta rodovia foram avaliados como regular e ruim. Os demais trechos, das SE-104, 210, 216, 220, 226 e 318 tiveram avaliações entre regular e péssimo.

 

Clique aqui e veja o mapa das estradas brasileiras produzido a partir da pesquisa da CNT.

Comentários