Faixas ao longo da Rua da Frente

0

Dizem, e não sem razão, que político não pode ver poste dando sopa que já ocupa logo o “território”. Por isso, em qualquer parte da cidade, a paisagem está coalhada de cartazes, faixas, etc. Os políticos deveriam ter poupado pelo menos as Avenidas Rio Branco e Ivo do Prado. Não é o que acontece. Fechando inclusive a vista para o Rio Sergipe, enormes faixas anunciam as candidaturas de muita gente – de governador a deputado estadual. As faixas são enormes e eles terminam retirando de moradores e visitante a beleza do Rio Sergipe. Ontem, contavam-se pelo menos 50 faixas em pouco menos de 10 trechos da chamada Rua da Frente. Como o dinheiro da campanha é pouco, os políticos apelam para faixas que tem uma duração maior. Além do mais se colocada numa artéria onde a Prefeitura não tem domínio, aí sim é um maná dos céus. É o que está acontecendo…

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais