Famílias de terreno esperam por auxílio moradia

0
Famílias estão à espera do cadastro para o auxílio moradia (Foto: arquivo Portal Infonet)

As famílias que residem no Lar Boa Esperança, que consiste em um terreno localizado na Rua Maria Rezende Machado, bairro Coroa do Meio, continuam à espera da efetivação dos cadastros que garantem o recebimento do benefício do auxílio moradia. A informação é de da Defensoria Pública de Sergipe.

Após ação ajuizada pela Defensoria Pública do Estado de Sergipe, a juíza Simone de Oliveira Fraga [da 3ª Vara Cível] determinou que a Prefeitura Municipal de Aracaju realize o cadastro e conceda auxílio moradia às 45 famílias moradoras da localidade. O prazo é três dias após a notificação e em caso de descumprimento, a multa é de R$ 10 mil/dia a serem pagos pelo Prefeito de Aacaju.

A assessoria de comunicação da Secretaria Municipal da Família e da Assistência Social (Semfas) reafirmou nesta quarta-feira, 10, que a notificação ainda não chegou ao órgão. Com isso, as famílias permanecem apreeensivas, já que há uma determinação de reintegração de posse, que deveria ter sido cumprida nesta terça-feira, 9.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais