Famílias deixam platô de Neópolis

0

As 400 famílias que ocuparam uma parte do Platô de Neopólis foram obrigados a se retirar ontem, 11, acatando decisão judicial, que foi executada pela Polícia, pacificamente. As famílias se retiraram do local que ocupavam há 40 dias reclamando que a terra era improdutiva, não havia nenhum trabalho executado nela. 

Os ocupantes não puderam ficar à margem da rodovia estadual que passa pelas terras do Platô. Foram se instalar então numa estrada secundária, mas dali devem sair a qualquer momento. 

Hoje, uma comissão de deputados estaduais vai ao Platô de Neópolis observar a situação da localidade, onde já foi investida uma montanha de dinheiro. Eles seguem em ônibus especial que sai da porta da Assembléia Legislativa às 8h.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais