Filha de diretor da Renascença estava no vôo da TAM

0

TAM divulga lista com 186 nomes de vítimas/ Foto: Agência Brasil
A estudante Mariana Pereira, 22 anos, estaria no vôo JJ 3054 da TAM, que derrapou ao tentar pousar no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e explodiu ao colidir com um prédio da companhia.

Mariana estudava medicina no Rio Grande do Sul e era filha de Maurício Pereira, diretor clínico do Hospital e Clínica Renascença. Segundo informações de pessoas próximas da família, o médico recebeu a notícia na noite de ontem, 17, e nas primeiras horas de hoje viajou para São Paulo.

 

Mariana estava entrando de férias e viajava a São Paulo para encontrar-se com a mãe e a avó. O acidente aconteceu ontem 17, por volta das 18h50. O Corpo de Bombeiros que trabalha no local não acredita que haja sobreviventes.

Comentários