Foragido morre em confronto com a polícia após fazer ex-mulher refém

0
Os policiais foram acionados para a ocorrência, que acabou em troca de tiros (Foto ilustrativa: SSP/arquivo)

Edivaldo Almeida Farias, 29, também conhecido como “Tonho Preto”, morreu na manhã desta segunda-feira, 12, após confronto com a Polícia Civil e a Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga, em Nossa Senhora da Glória. O homem invadiu a casa da ex-mulher por volta das 8h30 da manhã de hoje, fazendo ela e outros familiares reféns.

Os policiais foram acionados para a ocorrência, que acabou em troca de tiros. Edivaldo foi atingido pelos disparos e chegou a ser encaminhado ao Hospital Regional de Glória, mas não resistiu.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o homem tinha um mandado de prisão expedido pela comarca de Umbaúba por homicídio e era considerado foragido. As investigações estão sob responsabilidade do delegado Jorge Eduardo.

por Jéssica França

Comentários