Freira sergipana diz que ficará no Haiti

0

Rosevânia continua trabalho humanitário após a tragédia
A freira sergipana Rosevânia da Conceição já deu notícias à família que reside no Estado. Ela disse que passa bem, mas não tem planos de retornar para Sergipe. A religiosa diz que prefere ficar no Haiti, país arrasado por um terremoto na última semana, para poder ajudar à população que sofre as conseqüências da tragédia.

 

Familiares de Rosevânia respeitam a decisão da freira, que está em missão no Haiti há quatro anos. “Estamos todos muito apreensivos, mas já sabíamos que seria essa a decisão dela. Estranharíamos se ela resolvesse voltar agora. Aí sim não seria a minha irmã. Nós aceitamos com muito amor e carinho porque sabemos da situação, mas ficamos tristes e preocupados”, explica a irmã da missionária, Maísa da Conceição.

 

Diante do apelo feito por Rosevânia para que as pessoas ajudem as vítimas do terremoto, Maísa conta que já está se organizando para tentar enviar doações. “Muitas pessoas me ligaram querendo ajudar e com isso me encorajei e já estou me organizando”, relata. Ela explica que está apenas aguardando uma posição do Exercito para saber como será feita a logística da entrega.

 

“Quero arrecadar e mandar imediatamente”, ressalta. Os interessados em ajudar podem entrar em contato pelo telefone (0xx79) 3217-3294.

Comentários