Frota de ônibus está sem circular neste sábado, afirma o Setransp

0
Terminal do Mercado (Foto: Grupo Pé Embaixo)

A circulação do transporte coletivo permanece suspensa na capital sergipana neste sábado, dia 27. A informação foi confirmada pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp). Alguns terminais da capital amanheceram vazios e outros com ônibus parados e sem circular. Guaritas de terminais tiveram os vidros quebrados.

De acordo com o Sindicato, o transporte coletivo iniciou a operação na madrugada deste sábado, mas foi interceptado por motoqueiros e carros que pararam os ônibus com ameaças e rasgaram os pneus de diversos veículos logo no início da manhã. Neste momento, a circulação do transporte está interrompida e desde ontem mais de 130 ônibus já foram vandalizados.

Guarita de terminal com o vidro quebrado (Foto: Setramns)

O Setransp repudia esses atos, que descumprem a decisão liminar do Tribunal Regional do Trabalho proibindo o serviço de transporte de ser paralisado totalmente por ser essencial, em especial, neste momento de pandemia.

“E além de causar transtorno à população cerceando o direito de ir e vir das pessoas, gera grande prejuízo ao sistema de transporte. Nos atos da última sexta-feira, 19, 243 veículos foram danificados somando um prejuízo de R$ 100 mil”, diz o Setransp

Relembre

ônibus amanhecem parados (Foto: Setransp)

Os rodoviários iniciaram a manifestação com a paralisação dos ônibus na tarde da sexta-feira, 26, entre a Avenida Barão de Maruim e Rua Lagarto, no Bairro São José.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Aracaju (Sinttra), o protesto não tem nenhuma relação com o sindicato e o presidente também diz não entender a realização da manifestação já que, nesta sexta-feira, um novo acordo foi feito no Ministério Público do Trabalho (MPT) em que o ticket alimentação voltará a ser pago aos rodoviários a partir de março.

por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais