Fuga: adolescente fica gravemente ferido

0

O adolescente ficou gravemente ferido e foi encaminhado ao Huse
Na manhã desta quinta-feira, 18, por volta das 10h30, quatro adolescentes tentaram escapar da Unidade Sócio Educativa de Internação Provisória (Usipe) que fica anexo ao Centro de Atendimento ao Menor (Cenam). A fuga aconteceu no primeiro dia de greve dos agentes de medidas sócio educativas do Cenam. (Confira galeria de fotos abaixo)

De acordo com o tenente Rosmam, os quatro adolescentes tentaram escapar da unidade usando uma corda, popularmente conhecida como “tereza”. Na fuga três adolescentes pularam o muro da unidade e outro foi tentar jogar a corda, que estava molhada, e recebeu uma forte descarga elétrica. 

“A corda pegou no fio de alta tensão e o adolescente levou uma grande descarga elétrica e teve o corpo queimado”, conta o tenente, salientando que durante a ocorrência ligou para o Serviço Móvel de Urgência e Emergência (Samu) e foi maltratado pela médica que estava de plantão.

A polícia continua fazendo buscas para tentar encontrar os três adolescentes

“Falei para a médica que o adolescente estava queimado no fundo da unidade e ela entendeu que era na frente, por isso, desligou o telefone na minha cara. Quando retornei a ligação para explicar a ocorrência, a médica voltou a desligar o telefone na minha cara”, explica o tenente.

A equipe do Portal Infonet conversou na tarde desta quinta-feira, 18, com a assessora da Secretaria Municipal da Saúde, Déa Jacobina. A assessora disse que a secretaria irá apurar o fato para dar uma resposta a sociedade.    

O adolescente

Com quase 100% do corpo queimado o adolescente identificado apenas como “Coral”, foi encaminhado às pressas para o Hospital de Urgência e Emergência de Sergipe (Huse). De acordo com um médico que prestou os primeiros socorros ao adolescente, as queimaduras foram de segundo grau.

A fuga aconteceu no primeiro dia da greve dos agentes do Cenam / Fotos: Portal Infonet

Sindicato x Fundação

O presidente do sindicato dos agentes de medidas sócio educativas, Eziel Oliveira, afirmou que a fuga aconteceu por omissão do Governo. O presidente da Fundação Renascer, Gicelmo Albuquerque, acompanhou o encaminhamento do adolescente, mas não se pronunciou sobre o assunto.

Buscas

Até o início da noite desta quinta-feira, 18, os policiais conseguiram localizar um dos três que escaparam da unidade. Os internos sairam em direção ao matagal que fica atrás da unidade, onde foram realizadas as buscas com o apoio do Grupamento Aéreo da Polícia Militar.  

* A matéria foi alterada às 18h20 para acréscimo de informações

Por Kátia Susanna

Comentários