Funcionários do Ceac afirmam que não receberam salário

0

Os funcionários do Centro de Atendimento ao Cidadão alegam que não receberam os salários e os vales-transporte de agosto. Até o final de julho, eles eram empregados de uma empresa que terceirizava o serviço para a Secretaria de Estado da Administração (Sead), mas após um acordo firmado com o Ministério Público do Trabalho (MPT), os servidores foram contratados diretamente pelo Governo do Estado em regime emergencial.

 

A Sead afirma que o atraso se deu por conta da burocracia necessária para se fazer os contratos diretos. Mas esclarece que até a próxima quarta-feira, 26, os funcionários receberão o salário atrasado e o adiantamento do salário de setembro.

 

Concurso

 

O MPT firmou um acordo com o Governo do Estado para que os servidores terceirizados fossem substituídos por concursados. Como o serviço não podia ser interrompido até que os aprovados no concurso da Sead sejam convocados, os 48 servidores foram contratados diretamente pelo Estado por um ano.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais