Governo anuncia compra de 20 mil testes rápidos de coronavírus

0
Foto: Marco Vieira

O governador Belivaldo Chagas disse, nesta terça-feira, 7, que Sergipe recebeu 6 mil testes rápidos do Governo Federal e vai adquirir mais 20 mil testes para identificação de novos casos de coronavírus.  A medida tem como objetivo dar agilidade ao diagnóstico da doença no estado.

“Com recursos próprios, estamos adquirindo mais 20 mil na primeira compra. No primeiro momento, serão priorizados trabalhadores que atuam nos serviços essenciais”, disse Belivaldo Chagas.

A declaração foi feita durante a exibição do programa Papo Reto transmitido pelo facebook, Aperipê TV, e pelas rádios Aperipê AM e FM, com o objetivo de ampliar o diálogo entre o Governo e a população sergipana.

Belivaldo Chagas falou também sobre a disponibilidade de leitos para atender as vitimas graves da doença.  “Para tranquilizar a nossa população, nós estamos trabalhando para que tenhamos pelo menos 423 leitos. Devemos ter nessa programação inicial, 346 leitos de enfermaria e 77 leitos de UTI. Mas nós temos um levantamento da capacidade da rede pública e privada, onde nos dará condições de ampliar a depender das necessidades. Já discuti com o prefeito de Aracaju a possibilidade de instalação de um Hospital de Campanha”, disse.

Sobre as unidades hospitalares para atender os pacientes infectados pela Covid-19, o governador anunciou um planejamento de vagas no Estado. “Temos um planejamento para que a gente chegue aos 500 leitos, se necessário for. O planejamento está fechado para que 423 unidades estejam aptas no menor espaço de tempo possível, muito embora muitas delas já estejam em condições de receber pacientes. Temos o todo controle até o momento da situação”, revelou Belivaldo.

Estão aptos a receber pacientes em Aracaju: o Huse, Hospital Cirurgia, Hospital da Polícia Militar, Hospital Universitário, Hospital Santa Isabel e o São José, além da antiga Maternidade Hildete Falcão, que ficará pronta em algumas semanas. Em Nossa Senhora do Socorro, o Hospital Fernando Franco. Em Lagarto, Hospital Universitário. Em Itabaiana, o Hospital Garcia Moreno. Em Estância, os Hospitais Jessé Fontes e Amparo de Maria. São Cristóvão, o Hospital Senhor dos Passos. Além dos Hospitais regionais de Propriá, Nossa Senhora da Glória e Neópolis.

Deso

O governador esclareceu também a medida tomada por ele suspender a cobrança de tarifa social da Deso beneficiando 40 mil sergipanos. Além da suspensão de cortes por inadimplência e suspensão do reajuste na tarifa de água.

Respondendo questionamentos de internautas sobre a falta de água em algumas localidades, Belivaldo esclareceu que já solicitou da Deso um posicionamento sobre o reabastecimento. “Solicitei esclarecimentos da Companhia, para que mostre à população, o porquê do problema da falta d´água, que se agravou por conta do aumento de vazão do Rio São Francisco. É preciso explicar isso que estamos trabalhando no menor espaço de tempo para corrigir esse problema”, disse Belivaldo.

Energisa

Ainda em fase de elaboração, o governador anunciou um estudo que poderá beneficiar também usuários da Energisa. “Já contatei com a Energisa para que me apresente um levantamento das unidades residenciais, que consomem até 80 kw, para que a gente possa  fazer um estudo, e com isso, fazer com que o Governo de Sergipe possa assumir a conta dessa população”, revelou.

Cartão Mais Inclusão

Belivaldo detalhou ainda o programa Cartão Mais Inclusão, que vai beneficiar aproximadamente 30 mil pessoas cadastradas no CadÚnico. “Elas receberão, a partir da próxima semana, o cartão Mais Inclusão do Banese. Cada cidadão poderá ter uma ajuda de R$ 100 reais. São 30 mil pessoas que receberão pelo período de 4  meses, que vai se somar a ajuda do Governo Federal”, finalizou Belivaldo.

Fonte: Agência Sergipe

Comentários