Gravação: “Nunca me misturei com bandido”, diz Israel

0

Apontado como o principal mandante de um suposto atentado contra a vida do parlamentar conhecido como ‘Pai Veio’, Israel Sarmento, esclarece o que segundo ele, faz parte de uma trama feita pelo vereador ‘Pai Veio’, o atual prefeito de São Cristovão, Alex Rocha e o Deputado Wanderley Correia.

“Nunca vi na história de São Cristovão uma coisa como essa, adversários políticos serem colocados como inimigos. A política tem limites, sou um pai de família e um defensor da segurança pública. Nunca me misturei com bandidos”, afirma Israel Sarmento, atualmente agente de polícia judiciária de 1ª classe.

Israel Sarmento diz ainda que a gravação é uma fraude. “Dá para perceber claramente uma segunda pessoa cochichando para que o bandido diga as acusações contra mim”, conta Israel, em entrevista por telefone ao Portal Infonet. E ele salientan que começou a ser atingido após ter denunciado em seu programa de rádio, os assaltos de Elias e a irregularidades na administração do atual prefeito de São Cristovão e seus aliados políticos.

“Fiquei sabendo no último domingo, 22, que esse bandido teria uma gravação que me acusava, mas nunca pude imaginar do que se tratava. Há oito anos cheguei a realizar uma investigação sobre roubos no município e esse Elias foi um dos investigados. Ele chegou a ser preso e chegou a sair da prisão, mas voltou a praticar assaltos e por isso é um foragido da Justiça com a prisão decretada”, esclarece.

Sobre o fato de o deputado Wanderley Correia afirmar que entrará com um processo, Israel esclarece que não teme nada e que Wanderley pode tomar as providencias que quiser. “A Secretaria da Segurança Pública vai fazer as investigações e vai provar todas essas acusações, agora eles é que precisam ficar preocupados”, conta.

Por Kátia Susanna

Comentários