Greve na SRT completa quatro meses

0

População continua se deparando com a greve na SRT (Fotos: Portal Infonet)
A greve dos servidores da Superintendência Regional do Trabalho (SRT) em Sergipe, completou quatro meses no último dia 6 de agosto. Apenas os serviços de emissão da Carteira de Trabalho [a partir das 14h], recursos atrasados, homologação trabalhista para quem não é sindicalizado e solicitação de seguro-desemprego aos pescadores estão sendo oferecidos a população.

O dirigente do Sindicato dos Previdenciários (Sindiprev), Jorge Silva, disse que o Governo Federal não está preocupado com os servidores. “Ele está preocupado apenas com a eleição da Dilma. Marcam reuniões, a categoria apresenta as propostas e o Governo volta atrás. Como até o momento não obtivemos avanços, a previsão é de continuidade da greve”, alerta o

Alguns serviços continuam sendo oferecidos à população

 

 

sindicalista.

Os servidores cruzaram os braços há quatro meses, reivindicando entre outros pontos, a implantação do Plano de Cargos e Carreira e melhores condições de trabalho [o prédio precisa de reforma tanto nas instalações elétricas quanto hidráulicas, além da estrutura física].

Por Aldaci de Souza

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais